Governo do Rio de Janeiro Rio Poupa Tempo na Web Governo Aberto RJ Página inicial
Aumentar letra    Diminuir letra    Letra normal
Compartilhe nas mídias sociais  
Home :: Plantão dengue :: Notícias

Notícias

Parceria da SES com Enel amplia combate ao Aedes aegypti
Rio de Janeiro - 08/03/2018

Convênio assinado nesta quinta-feira (08/03) estabelece que 350 leituristas ajudarão na fiscalização de combate ao mosquito

Parceria da SES com Enel amplia combate ao Aedes aegypti

Visando ampliar as formas de combate às doenças provocadas pelo Aedes Aegypti, a Secretaria de Estado de Saúde assinou, nesta quinta-feira, uma parceria com a Enel Distribuição Rio, empresa responsável pela distribuição de energia para 66 municípios do Rio. O convênio estabelece que 350 leituristas, responsáveis pela medição de energia das casas, ajudarão na fiscalização de combate ao mosquito. O acordo inicialmente valerá para as cidades de Niterói, São Gonçalo e Magé, podendo ser ampliado para as demais cidades da área de concessão da Enel.

- Essa assinatura representa um grande passo para o combate a doenças como dengue, zika e chikungunya. Houve uma queda significativa dos casos no ano passado e queremos que esse número diminua cada vez mais. Cuidar para que o mosquito não se prolifere não pode deixar de ser um hábito – afirma o secretário de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr.

Os funcionários da Enel passarão por treinamento realizado pela Subsecretaria de Vigilância em Saúde, em que aprenderão como identificar possíveis focos de criadouros do Aedes e como exterminá-los. Além disso, receberão diretrizes para que também possam dar orientações aos moradores durante visita domiciliar. A cada duas semanas, um relatório com as informações dos leituristas será repassado pela distribuidora de energia para setor de vigilância da Secretaria.

- A preocupação com nossos clientes é um dos pilares da Enel. E esse é um projeto que mostra o apoio da companhia a uma causa tão importante para a qualidade de vida da população – reforçou Luciana Vaz, Responsável de Atendimento do Poder Público da Enel Distribuição Rio.

Cada leiturista da Enel Distribuição Rio visita, em média, 400 unidades consumidoras diariamente. Dessa forma, cerca de 1,8 milhão de unidades serão monitoradas mensalmente para identificação da presença do mosquito transmissor. Constatados focos do mosquito, as prefeituras acionarão seus agentes de endemias para as ações de controle.


Denúncia de focos



As secretarias Municipais de Saúde são as responsáveis pelo combate direto ao mosquito.

Clique aqui e veja como entrar em contato com a secretaria de sua cidade.
Acompanhe o Rio Contra Dengue nas mídias sociais

Facebook Twitter Youtube
Secretaria de saúde
Links interessantes:
PET Rio sem fumo Rio imagem Rio com Saúde Xô, Zika !!


Alguns direitos reservados
Esta obra é licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil