Governo do Rio de Janeiro Rio Poupa Tempo na Web Governo Aberto RJ Página inicial
Aumentar letra    Diminuir letra    Letra normal
Compartilhe nas mídias sociais  
Home :: Plantão dengue :: Notícias

Notícias

Ação de combate ao Aedes Aegypti em escola da Zona Sul marca o Dia D contra o mosquito
Rio de Janeiro - 08/12/2017

Autoridades e alunos se uniram contra o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya

Ação de combate ao Aedes Aegypti em escola da Zona Sul marca o Dia D contra o mosquito

Os alunos da Escola Municipal Camilo Castelo Branco, no Jardim Botânico, tiveram uma lição bem importante na manhã desta sexta-feira (8/12): aprender a combater a dengue. A ação fez parte do Dia Nacional de Combate ao Mosquito Aedes Aegypti e contou com a presença do Secretário Executivo do Ministério do Esporte, Fernando Avelino, do subsecretário de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe, e do secretário municipal de Saúde, Marco Antonio de Mattos. A mobilização é convocada pelo Ministério da Saúde e acontece em todo o Brasil, para chamar a atenção para a importância da participação popular nos esforços para eliminar os focos do mosquito e, assim, prevenir a ocorrência das arboviroses.

- É fundamental que todos se aliem no combate ao mosquito e essa tem sido uma preocupação das autoridades de saúde de todo o país. A população, por sua vez, tem um papel essencial e está convocada para essa luta. Basta tirar dez minutinhos, uma vez por semana, para procurar e neutralizar os focos dentro de casa. Cerca de 90% dos locais propícios para a reprodução do Aedes aegypti estão em imóveis residenciais – destaca o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr.

O personagem Dezinho, criado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), ilustrou o evento e reforçou a importância de executar cuidados simples e de rotina que podem fazer a diferença. A direção da escola também enfatizou a importância dos alunos terem participado da ação e da preocupação em manter um trabalho contínuo de combate ao mosquito.

- É um trabalho lúdico de prevenção, que fala a linguagem da criança, de forma simples e direta, e faz elas entenderem a necessidade de combater o mosquito de forma rotineira. Esse evento é uma atividade diferente e tem uma força muito grande para esses alunos – destaca o diretor da unidade, Ricardo Quintana.

O esforço em conjunto é o pontapé inicial da campanha dos governos Federal, do Estado e municipais para prevenir as doenças transmitidas pelo mosquito. Apenas este ano, até 21 de novembro, foram registrados 9.852 casos de dengue, 2.389 de zika e 4.041 chikungunya. Em comparação ao mesmo período do ano passado, o estado do Rio de Janeiro apresentou queda de 88,4% nos registros de dengue, 73,5% nos de chikungunya e quase 97% nos de Zika. As notificações foram compiladas a partir dos dados inseridos no Sistema Nacional de Agravos de Notificação (Sinan) pelos municípios de todo o estado.

- Essa diminuição nos números é mérito das ações de combate ao mosquito e, principalmente, da participação da população, que se preocupa em fazer sua parte onde mora. No entanto, apesar da queda nos casos, não podemos deixar de continuar combatendo o mosquito, para que não haja um novo ciclo de infestação dessas doenças – reforça o secretário.

A chegada do verão, no próximo dia 21 deste mês, deve servir de alerta: o clima quente e o aumento das chuvas tornam o ambiente perfeito para a reprodução do mosquito.

- Com a chegada do verão, período de intensas chuvas, a preocupação aumenta, pois a possibilidade do surgimento de mais criadouros é muito maior. Estamos reforçando as campanhas de mobilização para que os moradores não deixem de fiscalizar os criadouros - finaliza o subsecretário de Estado de Vigilância em Saúde, Alexandre Chieppe.

Dezinho Contra o Aedes – Criado pela Secretaria de Estado de Saúde, o personagem Dezinho tem como objetivo a mobilização da sociedade, com foco voltados para as crianças. O menino herói ganhou vida pelo traço do ilustrador e designer Luciano Freitas, da equipe da SES, e o objetivo é que possa ser utilizado por todas as prefeituras e outros órgãos que queiram promover o engajamento em ações de vigilância em Saúde.

Saiba mais sobre como combater o mosquito e informe-se sobre as doenças que ele transmite em www.riocontraoaedes.com.br ou bit.ly/dezinho. No site ainda é possível encontrar material para download, assim como tirinhas em quadrinhos com as aventuras do Dezinho e sua família, GIFs animadas e vídeos, para postar nas redes sociais e compartilhar pelo Whatsapp. Tudo com dicas de como combater o mosquito no dia a dia.

Dia D - O Dia D de Combate ao Aedes Aegypti é dedicado para ações integradas e simultâneas em todo o Brasil, que reforçam os cuidados para evitar os criadouros do mosquito, principalmente com a chegada do verão, época de maior reprodução do vetor e, consequentemente, de maior possibilidade de ocorrência da dengue, da zika e da chikungunya.


Denúncia de focos



As secretarias Municipais de Saúde são as responsáveis pelo combate direto ao mosquito.

Clique aqui e veja como entrar em contato com a secretaria de sua cidade.
Acompanhe o Rio Contra Dengue nas mídias sociais

Facebook Twitter Youtube
Secretaria de saúde
Links interessantes:
PET Rio sem fumo Rio imagem Rio com Saúde Xô, Zika !!


Alguns direitos reservados
Esta obra é licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil